14 de março de 2013

Entre sonhos e necessidades.

Hoje resolvi dar uma folga aos textos de amor e contos que ando postando pra dar espaço a um post diferente. Após alguns acontecimentos nesses últimos dias parei pra pensar sobre alguns planos e sonhos que deixei de lado, a exatamente um ano quando arrumei um emprego, ou melhor, meu primeiro emprego. O meu primeiro plano para quando saísse do ensino médio seria começar a faculdade de psicologia, sonho que carrego comigo desde criança, mas como nada é perfeito nesse mundo não passei na universidade federal na minha primeira tentativa, foi frustrante e me rendeu alguns dias na profunda bad em casa. Mas se eu realmente quisesse entrar na universidade no ano seguinte eu deveria fazer mais uma tentativa – que não seria fácil – e me matricular no cursinho. Janeiro mal havia começado e la estava eu sentada na primeira fileira atenta a cada palavra que os professores diziam. É, realmente não seria fácil encarar tudo aquilo, matérias que eu já havia estudado, professores que eu já conhecia, alguns rostos conhecidos da escola e ainda aguentar a pressão dos meus familiares, vocês que já passaram por isso sabem bem do que estou falando. E em meados de março de 2012 fui chamada em uma entrevista de emprego e passei, lógico que fiquei animada com essa nova porta que foi aberta pra mim, conhecer novas pessoas, ganhar uma grana com meu próprio esforço e ser um pouco menos dependente dos meus pais e encarar uma rotina diferente, acabei transferindo o cursinho pra parte da noite e até aí tudo tranquilo. Mas depois de seis meses essa rotina de trabalho e cursinho acabou me cansando, sair do trabalho as 18 horas e ir direto pro cursinho que começava as 19 horas e depois só sair de lá as 23 horas não era fácil, o único dia que me restava pra estudar era os domingos porque eu também trabalhava aos sábados, mas um dia só na semana não era suficiente pra colocar as matérias em dias. E aí acho que vocês sabem o que aconteceu... Em outubro mais ou menos desisti de tentar entrar na universidade, tranquei o cursinho e me dediquei somente ao trabalho. Erro meu. Alguns me jogaram pedra, outros entenderam, mas o fato é que eu estava esgotada demais pra conciliar duas atividades, eu havia chegado no limite. Chegou 2013 e conforme as listas de aprovados nos diversos vestibulares da cidade iam saindo, eu ficava mais pra baixo porque por diversas vezes sonhei em ver meu nome em algumas delas. Tarde demais pra chorar o leite derramado, não acham? E hoje, um dia depois de ter pedido demissão do emprego me peguei pensando em como seria se eu não tivesse desistido do meu sonho de cursar psicologia, será que eu estaria finalmente na universidade? O fato é que me arrependo de ter deixado os estudos de lado, porém não me arrependo de ter aceitado o emprego, porque foi através ele que aprendi a ser mais responsável, aprendi muita coisa bacana, fiz amigos verdadeiros e claro pude bancar meus consumos necessários, como roupas, sapatos e etc, mas como dizem: nunca é tarde pra correr atrás. Hoje ao acordar já fiz milhares de pesquisas, resumos, planos, pesquisei mais sobre meu curso e agora preciso tirar os livros do armário. Estou mais disposta e corajosa pra enfrentar mais um ano de estudo, foco e dedicação, correr atrás do prejuízo e ainda sim arrumar um novo emprego, mas que dessa vez não tome tanto tempo assim. Claro que outros sonhos surgiram no meio do caminho, como fazer intercâmbio pra Londres, escrever um livro, fazer parte de algum projeto social, conhecer outras cidades, ir ao show daquela banda preferida e por aí vai. Nada é impossível, acreditem. E vocês tem alguma história parecida pra contar? Tiveram que abrir mão de algum sonho pra fazer outras coisas? Vou adorar saber!
Beijos.

Comente com o Facebook:

9 comentários:

  1. Disse tudo: tem quer ter foco. Para ir à qualquer lugar, tem que ter foco. Deve ter sido difícil pedir demissão, e pior "desistir" do curso. Mas às vezes, precisamos fazer certos sacrifícios, não é mesmo? Eu não estou muito longe de entrar numa universidade, estou no 1o ano do Ensino Médio, já sei o que quero fazer e onde quero fazer. Vai ser difícil, eu sei - não é qualquer um que entra pra USP, não é? Ou numa universidade no exterior (NYC ou Londres, mais especificamente) - mas com estudos, se vai longe não? E com dedicação também. Sei que o caminho que vou trilhar é longo e meio complicado, mas sei lá, estou otimista, acho que entro numa delas, sim. Meu sonho (sonho mesmo) é entrar na Saint Martins em Londres - quem sabe eu consiga, né? Amei seu texto. Beijos <3

    ResponderExcluir
  2. adorei o texto!
    já tive que abrir mão de muitaaas coisas!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Eu nunca tive que abrir mão de algo que gostasse muito...
    Mas nunca é tarde e você pode sim começar a cursar psicologia !

    beijos

    http://deliriosdeumcloset.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Sabe, ainda não passei por isso.
    Mas não desista, nunca é tarde para começar um curso *-*

    ResponderExcluir
  5. Amei o texto amiga.
    Bjoos.

    tudodemodalindo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Bem legal o seu texto, tenho sua idade mais ou menos, mas acho que universidade pública para mim não dá, come o dia todo da pessoa e o meu curso o que conta mais é portfólio mesmo. Mas se você quer essa área é só você ter foco e fé! =*

    Estou seguindo aqui, curte a minha fã page/segue o blog? =*

    Blog: www.kaahmenezes.wordpress.com
    Fã page: www.facebook.com/pages/Kaah-Menezes/146488652178125

    ResponderExcluir
  7. Pode e deve* ótima semana.

    Post novo, venha conferir!!!
    http://gabriellyrosa.blogspot.com G.R ♥

    ResponderExcluir
  8. LIIIIIINDA! ARRASOU no post, é tao dificil falar sobre um assunto como esse... abrir mao de algo, nossa.. dá até arrepios!
    Mas NOTA MIL pra você, adorei o texto! *-*
    Adoreeeei seu blog, e suas dicas, super atuais, estava mesmo precisando MUITO! rsrs
    Tem post novo... maquiagem GLAM! ui rsrs
    Beijos, minha linda!!!


    http://agorasoulinda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Vou amar ler todos os comentários postados aqui no blog, respondei todos assim que puder, agradeço sua visita :)


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©